Instituto de Ciência, Tecnologia e Inovação – Campus Camaçari

Universidade Federal da Bahia

A Unidade

 

Breve histórico

 
Em 2007, a UFBA aderiu ao Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (REUNI), tendo como objetivo o aumento de vagas nos cursos de graduação e pós-graduação, a ampliação e oferta dos cursos noturnos, a promoção de inovações pedagógicas e o combate à evasão. A criação do Campus de Camaçari para abrigar o Instituto de Ciência, Tecnologia e Inovação está de acordo com este Plano, assim como está alinhado às macropolíticas institucionais propostas pelo PDI-UFBA (2012-2016).

Em abril de 2012, na gestão da Reitora Dora Leal, foi celebrado o termo de pactuação entre a UFBA e o MEC visando a implantação do campus da UFBA na Cidade de Camaçari. Em seguida, em 2014, foi assinado termo de cessão entre a UFBA e o Governo do Estado da Bahia para implantação do Campus da UFBA em Camaçari nas instalações onde atualmente funciona o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento (CEPED).

Em 2015, o projeto de criação do Campus de Camaçari foi apresentado pelo Pró-Reitor de Ensino de Graduação, Penildon Silva Filho ao Conselho Universitário da UFBA, reunião na qual o professor Messias Bandeira leu o parecer da Comissão de Assuntos Acadêmicos recomendando a aprovação do projeto.

Em setembro de 2017 a PROGRAD encaminhou o Projeto Pedagógico do Bacharelado Interdisciplinar em Ciência, Tecnologia e Inovação para o CAE, sendo aprovado em reunião realizada e outubro de 2017. Ainda em novembro de 2017 é constituído pela Reitoria um Colegiado Pro Tempore para apoiar a Direção Pro Tempore na implantação do Instituto e do projeto político pedagógico.

No ano seguinte, em março de 2018, é celebrado um acordo de Cooperação Técnica e Cientifica entre a UFBA e a Prefeitura Municipal de Camaçari no qual foi cedido espaço físico para implantação da sede provisória do Campus na Cidade do Saber. O Instituto de Ciência, Tecnologia e Inovação (CTI) foi criado como Unidade Universitária pela Resolução 03/2018 do Conselho Universitário de 08 de agosto de 2018, iniciando as aulas em 18 de setembro de 2018.